Documentário da semana: Turismo Macabro


Você tiraria férias em lugares inóspitos? Radioativos? Com Governos ditatoriais? David Farrie não só tirou, como mostrou esses lugares para o documentário da Netflix




A série começa na América Latina, David, um jornalista da Nova Zelândia, vai vivenciar o turismo promovido em Medelín graças à figura de Pablo Escobar, o ponto alto do episódio é o encontro de Farrie com o assassino profissional e braço direito de Pablo que matou cerca de 200 pessoas e hoje está ressocializado. Além das fronteiras colombianas, vemos um exorcismo no México e tomamos conhecimento que há um turismo que investe na simulação da travessia ilegal para os Estados Unidos da América, com o intuito de mostrar os riscos.


Em seguida, nos próximos episódios, David Farrie visita Fukushima, a cidade assolada por um tsunami que destruiu uma usina nuclear e mostra que os níveis de radiação continuam altíssimos, apesar do Governo tentar vender a ideia de que alguns pontos já são habitáveis, alguns lugares superam a radiação nos arredores de Chernobyl.
Nos países que pertenciam à União Soviética, conhecidos como os “Stãos” David vai ao Cazaquistão, nadar em um lago formado por uma explosão nuclear e radioativo, chega a comer um peixe de 3 olhos do mesmo lago. Em Chipre ele nos mostra um pouco da cidade proibida que fica entre a Turquia e Grécia, o que impressiona é que não existe nenhum motivo sensato para que a cidade continue isolada a ponto de não poderem filmar ou tirar fotos do lugar (sim, ele filmou e chegou a ser detido).





O documentário é muito interessante, mostra lugares proibidos, mostra a história da morte de Kennedy, do canibal de Milwaukee Jeffrey Dahmer, mostra o ritual de limpeza de corpos mumificados na Indonésia, a floresta do suicídio no Japão,  tudo de um jeito divertido e dinâmico, de forma que quem o assiste não se cansa com a quantidade de informações, o conhecimento é apenas consequência.

Vale lembrar que Turismo Macabro é original da Netflix e a primeira temporada está disponível na plataforma, uma ótima alternativa para quem não quer iniciar uma maratona de uma série longa demais e quer se divertir conhecendo lugares inusitados sem sair de casa.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.